EDUCAÇÃO NOS DIAS DE HOJE

Quando eu te vi

Vitor Soares Incutto

Estava dormindo
Meu despertador tocou
Saí da cama
Ainda estava sonhando
Peguei minha mochila
E saí no maior calor

Na rua estava quase 30o graus
Mas não podia perder a escola
Primeiro dia de aula
Teve Química e até História

Foi logo na saída que eu te encontrei
Foi em apenas um olhar
Foi quando eu notei que me apaixonei
Fiquei até sem o que falar

No dia seguinte
Fiquei apenas te olhando
Somente aproveitando
De longe te observando

Perguntava coisas que já sabia
Só para ouvir sua voz
Puxar assunto
Nem que fossem palavras vazias

Foi logo na saída que eu te encontrei
Foi em apenas um olhar
Foi quando notei que me apaixonei
Fiquei até sem o que falar
Até achei que você não ia me notar
Por que eu não sei o que dizer?
A questão é fazer ou não fazer

Foi logo na saída que eu te encontrei
Foi em apenas um olhar
Foi quando notei que me apaixonei
Fiquei até sem o que falar.


*************************************

Se não fosse imperador, desejaria ser professor.
Não conheço missão maior e mais nobre que a de dirigir
as inteligências jovens e preparar os homens do futuro.
D. Pedro II

************************************

Muito se fala em educação moderna, escola modelo, professor padrão, e raramente se pensa que esses elementos só podem existir se nele o sujeito for um só: o aluno, com suas qualidades, dificuldades e contribuições.

É impensável que um bom educador se imagine como absoluto em seu ofício. Se com ele crescer o aluno, se ambos forem capazes de escrever um mesmo capítulo — o do crescimento e felicidade do ser — aí sim, a educação cumpriu, dignamente, seu papel. De outra forma, o que existe é a ditadura do saber.

Com muita alegria, vejo os discentes emergindo para os vários campos da sociedade e, mais ainda, alegro-me quando eles partilham com toda a comunidade escolar o que de bom fazem.

Recuso-me a acreditar que “somos quem podemos ser”. Somos, através da Educação, muito mais do que sonhamos ser.

Os espaços de mídia do Instituto Pio XI ratificam a superação e o aperfeiçoamento de todos os seus integrantes, assistindo ao nascimento, através de caminhos variados, do trabalho docente, colhido pela escola e pela família através das mãos do educando.

Em nossos bancos escolares, temos vários exemplos de alunos que se tornam, cotidianamente, pessoas mais completas do que imaginavam ser. Daqui têm emergido, para nossa alegria, compositores, dramaturgos, romancistas, musicistas, entre outros mestres do texto.

Um exemplo disso é o aluno Vitor Incutto, da 2ª série A.  Atrás de sua discrição se esconde uma criatividade e uma sensibilidade fantásticas. Autor de textos musicais em dois idiomas — português e inglês —, ele é um adolescente que enxerga muito além do que supomos ser possível a um incipiente compositor.

Se consideramos a escola o nosso segundo lar, nada mais coerente do que seus integrantes partilharem diversos momentos. Escola não é um mero espaço para alguns ensinarem e outros aprenderem: é espaço no qual, como num círculo, imagem da perfeição, percebemos que existem parcerias, trocas, simbioses, cumplicidades.

Pensando nisso, nosso aluno resolveu dividir com a Família Pio XI a letra da música Quando Eu Te Vi, o primeiro de muitos trabalhos que ele há de partilhar com todos os que apreciam um bom texto.

Parabéns, Vítor, e obrigada pela  contribuição.

Professora Daisy Nogueira
Mestra em Letras

 

Matérias Anteriores:

LOCALIZAÇÃO

Rua Roberto Silva, 71 - Ramos
CEP 21060-230
Rio de Janeiro - RJ

Veja Mapa

HORÁRIO

De segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

 

FALE CONOSCO

3194-1401

3194-1404


Email: atendimento.pioxi@abeas.org