EDUCAÇÃO NOS DIAS DE HOJE

O Alicerce dos Dias de Amanhã

 

As perspectivas para o futuro do jovem, pensando em empregabilidade e na manutenção no mercado de trabalho, estão diretamente ligadas a três fatores indispensáveis: qualificação, tempo de investimento em aprendizagem e grau de especialização na vida escolar ou acadêmica.

Essa realidade move o mundo e se identifica com o momento descrito pelo geógrafo Milton Santos como “técnico científico informacional”. Dentro dele, só está apto aquele profissional em que a chamada aprendizagem continuada se faz presente, diferenciando-o do restante dos trabalhadores os quais buscam espaço fora dos alarmantes índices de desemprego.

Alguns exemplos de nações que enfrentaram a necessidade de desenvolvimento no pós-guerra, como Japão, França e Alemanha ou aquelas que seguiram o rumo de suas antecessoras, como Coreia do Sul e Cingapura, encontrou nos investimentos severos em educação e P&D (pesquisa e desenvolvimento) o alicerce para o desenvolvimento amplo de seus cidadãos e de suas economias, trazendo prosperidade e crescimento. Emprestaram seus estudantes durante décadas para numerosos projetos de intercâmbio com nações desenvolvidas (como no caso do Japão-EUA) e receberam esses cérebros de volta, enriquecidos profissionalmente, formando pesquisadores, construindo universidades e seguindo o caminho dos famosos centros tecnológicos — tecnopolos — que reúnem num mesmo espaço produção científica, indústrias e capital.

O estudante de hoje, profissional de amanhã, deve ficar atento a esse processo, buscando na verdadeira qualificação profissional aquela que fomenta retorno constante à academia, devido à evolução tecnológica e ao funil proposto pelo sistema capitalista, que organiza o mercado com excedentes profissionais prontos para ocuparem os lugares deixados sem qualificação. Empregabilidade pressupõe essa qualificação e desenvolvimento, como nação pressupõe investimentos reais em educação.

Cabe ressaltar que educação para os jovens que estarão no mercado de trabalho passa pela presença da escola de qualidade, do apoio intenso da família e pela formação continuada; sem um desses requisitos, cada degrau a ser alcançado se torna mais distante, e a garantia de sucesso menos palpável.

Em tempos de globalização e de concorrência acirrada, mas repleto de perspectivas positivas, a garantia de futuro depende do tempo gasto com dedicação em sua formação educacional, percebendo que o mundo do trabalho de hoje sofreu grandes modificações daquele do passado.

Jónatas Santos da Silva
Geógrafo e Licenciado em Geografia pela UFRJ
Professor do Ensino Médio no Instituto Pio XI e das redes públicas, Municipal e Estadual


Matérias Anteriores:

LOCALIZAÇÃO

Rua Roberto Silva, 71 - Ramos
CEP 21060-230
Rio de Janeiro - RJ

Veja Mapa

HORÁRIO

De segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

 

FALE CONOSCO

3194-1401

3194-1404


Email: atendimento.pioxi@abeas.org